Batman volta com tudo! E quebrando tudo!

Se você gosta de Batman, compre esse jogo! Se você não gosta de Batman, compre esse jogo! Se você acha que Batman é retardado, vem cá que eu vou coçar você de pancada, e, aí, você vai comprar esse jogo!

Anúncios

Duas novas cores de PS4 e controles anunciadas

Se você não quer seu PS4, e seus controles, naquele preto piano padrão – você não está sozinho. E a Sony finalmente ouviu você. No lançamento, em quantidades limitadas, o console e controles, estarão sendo vendidos também nas cores Magma Red e Wave Blue (Vermelho Lava e Azul Onda… sério… publicitários… Aonde vocês arranjam esses nomes?).

dualshocksjpg-e93d09_610wNenhuma foto do console foi divulgada até agora, mas a Sony garante que o mesmo estará disponível no lançamento. Corram atrás interessados!

Playstation 4 tem data de lançamento e sala de jogos!

O novo console da Sony aterrissa na sua sala de estar (caso você tenha feito a pré compra) no dia 15 de Novembro deste ano. O console será lançado em 32 países, contra 13 do XBOX One, e já passou de um milhão de unidades vendidas na pré-compra. E ele vem, pré instalado, com um software/jogo, bem interessante.

A Play Room.

Tudo bem que você vai ter que desembolsar 100 doletas (ou umas 450 dilmas aqui nas terras tupiniquins) pela PS4 Eye, o “Kinect” do PS4, para fazer isso funcionar. Mas é bem legal mesmo assim.

A Play Room  é essencialmente uma mistura de “Your Shape – Fitness Evolved” (do Kinect) com “Wii Sports Resort” (do Wii) e “Magical Book” (do Move de PS3). É uma série de minijogos que forçam os jogadores a se levantarem, fazerem movimentos e serem colocados em ambientes e situações através de AR (Augmented Reality – algo como Realidade Aumentada)…

Mais fácil mostrar que falar

Isso acaba com o mistério sobre a data e lançamento de um dos concorrentes do Wii U. Your move… Microsoft!

 

Borderlands 2 está comendo muito tempo da sua vida? Que tal levar ele com você por onde for?

Se você respondeu sim a essas duas respostas prepare-se para comprar um PS Vita. Borderlands 2 vai aterrissar no portátil da Sony este ano em uma versão que será, essencialmente, IDÊNTICA, ao do console “Pai”. E essa não é a única notícia legal. Se você estiver jogando em um PS3, você poderá carregar seus saves na nuvem e baixá-los no seu VITA, fazendo o caminho inverso quando chegar a sua casa, sem nunca precisar parar de jogar com seus personagens, dando upgrades e subidas de nível mesmo no banheiro da casa da namorada ou naquela reunião chata no trabalho.

Borderlands 2… Porque WOW precisava de um concorrente!

Borderlands-2characters

Todos os jogos disponíveis no lançamento do XBOX One! A lista completa! Bem aqui!

Esses são os games que estarão a sua disposição no lançamento do novo console da Microsoft. No primeiro dia!

  • Assassin’s Creed IV Black Flag (Ubisoft, Ubisoft)
  • Battlefield 4 (DICE, Electronic Arts)
  • Call of Duty: Ghosts (Infinity Ward, Activision)
  • Crimson Dragon (Grounding/Land Ho!, Microsoft Studios)
  • Dead Rising 3 (Capcom Vancouver, Microsoft)
  • FIFA 14 (EA Sports, Electronic Arts)
  • Fighter Within (AMA Ltd., Ubisoft)
  • Forza Motorsport 5 (Turn 10 Studios, Microsoft Studios)
  • Just Dance 2014 (Ubisoft Paris, Ubisoft)
  • Killer Instinct (Double Helix, Microsoft Studios)
  • LEGO Marvel Super Heroes (TT Games, Warner Bros. Interactive)
  • Lococycle (Twisted Pixel, Microsoft Studios)
  • Madden NFL 25 (EA Sports, Electronic Arts)
  • NBA 2K14 (Visual Concepts, 2K Sports)
  • NBA Live 14 (EA Sports, Electronic Arts)
  • Need for Speed: Rivals (Ghost Games, Electronic Arts)
  • Peggle 2 (Popcap, Electronic Arts)
  • Powerstar Golf (Zoe Mode, Microsoft Studios)
  • Ryse: Son of Rome (Crytek, Microsoft Studios)
  • Skylanders: Swap Force (Vicarious Visions, Activision)
  • Watch Dogs (Ubisoft Montreal, Ubisoft)
  • Zoo Tycoon (Frontier Developments Ltd., Microsoft Studios)
  • Zumba Fitness: World Party (Zoë Mode, Majesco)

Considerando a data de lançamento do PS4 (15 de Novembro deste ano), espere pelo seu XBOX One por volta da mesma semana ou, talvez, no mesmo dia.

Killer Instinct, e seu lançamento em partes, é finalmente explicado

Você lembra de Killer Instinct?

 

Killer Instinct era um jogo de luta desenvolvido para a Nintendo pela RARE, que possuía uma jogabilidade totalmente específica, com combos imensos e gráficos fantásticos. Em 2002, quando a RARE foi comprada pela Microsoft, a licença pelo jogo ficou presa em uma briga judicial que durou até 2008, quando a Nintendo vendeu seus direitos a RARE (e sua dona, a Microsoft). O jogo, no entanto, nunca chegou ao XBOX 360. E foi anunciado no XBOX One… o que levou a galera ao delírio.

Até todo mundo descobrir que o jogo era free-to-play, apenas por download e que ele vinha apenas com o Jago.

wtf5

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ken Lobb, o homem responsável por Goldeneye 007, no Nintendo 64, e, portanto, um Deus entre os homens, diretor do atual remake de KI, veio a público explicar o lançamento do game. “Nós lançaremos entre Fevereiro e Março, no modelo gratuito, como demonstrado na E3. Você poderá comprar qualquer personagem que quiser, no momento do lançamento ou mais tarde, por US$ 5,00 ou o equivalente Europeu. Caso você queira comprar mais personagens os preços deles vão ficando progressivamente mais baixos. Ninguém vai gastar mais do que US$ 20,00 para ter todos eles.” explicou o executivo, que voltou a cata depois divulgando os outros métodos de lançamento “Haverá ainda a edição de vinte doláres, que virá com os 8 personagens mais skins alternativas para todos eles, algumas delas que deixam os personagens realmente diferentes. Haverá ainda um bundle de US$ 40,00 que terá Skin exclusivas além de uma versão emulada de Killer Instinct Arcade, sem funções online. Estamos tentando, mas sem sucesso.”.

Ok. Isso é estranho mas a gente consegue entender. Mas calma. Porque fica mais estranho ainda! “Isso são os planos para 2014. Mais tarde teremos uma nova leva de personagens e modos, tudo no molde do que fizemos e para o mesmo jogos. Será uma espécie de Killer Instinct Season 2. De novo no mesmo sistema de preços.”.

Pode ser que eu esteja ficando velho, mas eu me lembro de uma época onde um jogo de luta chegava completo nas minhas mãos… mesmo com os personagens estranhos e grotescos que quase ninguém usava. Anyway… vamos ver como o mercado reage a mais essa empreitada da Microsoft. Eu.. bem… eu estou feliz que Killer Instinct esteja de volta. Mas acho que vou continuar a jogá-lo no Nintendo 64.

 

Jogando: Mario & Luigi: Dream Team

Se você tem um coração e um senso de humor, tente algum dos RPGs da série “Mario & Luigi”, que começou como um sucessor espiritual do sensacional Super Mario RPG, de SNES, e acabou virando uma das mais cultuadas e engraçadas séries de RPGs de todos os tempos. E o novo jogo, que acaba de chegar ao 3DS, não deixa a peteca cair e, ainda por cima, imagescomemora o ano do Luigi em grande estilo.

A história não poderia ser mais legal: Os irmãos Mario e a princesa Peach estão visitando um reino vizinho, que tem como habitantes um povo travesseiro (eu juro que eu não estou inventando isso) e um ser maligno local, Antasma, um pesadelo físico, sequestra a princesa e a leva para o mundo dos sonhos. Os irmãos tentam segui-lo mas acabam falhando em lutar contra todo o poder de Antasma… até o momento onde eles descobrem que Luigi, sim, O Luigi, é um Dream Shaper. Uma lenda local, uma espécie de ser super poderoso que consegue manipular o universo dos sonhos enquanto estiver dormindo, dando a ele propriedades ao seu comando. Então, no mundo real, Luigi está dormindo, levando Mario, e uma cópia de si mesmo, para o mundo dos sonhos para lutar contra Antasma e resgatar Peach.

Só que você tem que resolver problemas no mundo físico também, causado pelo ataque de Antasma, além do fato que o alcance do Dream Shaper é limitado pelo ponto físico onde ele dorme no travesseiro místico. Logo, metade do jogo se passa no mundo dos sonhos e metade no mundo real do reino de Pii’Llo (sendo que as partes que se passam no mundo dos sonhos são em side scroller com visão lateral e as partes no reino físico são em visão 3/4 superior). Tudo vai indo bem até o momento onde Bowser descobre do sequestro e parte atrás dos irmãos PORQUE ELE É O ÚNICO QUE PODE SEQUESTRAR A PRINCESA. O resto é ainda mais hilário, e ainda mais original. Acredite em mim… a história é engraçada demais e fantasticamente bem escrita.

Os controles são fantásticos. Um botão controla todas as ações de Mario enquanto outro controla as ações de Luigi, com o sistema de jogo mudando entre o mundo real e o imaginário – no mundo real o combate ocorre por turnos mal definidos e envolve os ataques padrões dos irmãos. No mundo imaginário o cenário pode ser distorcido por coisas feitas com Luigi enquanto ele dorme (puxar um bigode para criar uma ponte, bater no nariz para criar um terremoto, puxar as pálpebras para deixar entrar luz em uma sala, etc…): Você faz as alterações você mesmo, com a Stylus, no rosto de Luigi, na tela sensível ao toque, enquanto o mundo dos sonhos é alterado na tela de cima. É genial e incrivelmente bem feito.

marioluigi_kotakubr

O som é bom, principalmente o trabalho do sempre genial Totaka (a Totaka song tá por aí pessoal… vamos procurar), com vozes esparsas (e muito, muito mesmo, italianês – uma mistura bizarra de inglês e italiano – por parte dos irmãos) e bem utilizadas – mas não é sensacional. Os gráficos são muito bons, mesmo com o 3D completamente desligado (como eu tenho utilizado), com uma sensação de profundidade interessante e um estilo gráfico caprichadíssimo, com polígonos texturizados em um Cel shadding lindo que parecem um desenho animado. Acreditem… as imagens estáticas não fazem jus…

Somando uma história leve e divertida, com gráficos incríveis, controles animais e uma total mudança do paradigma de controle utilizado nos games até então, Mario & Luigi: Dream Team vem com tudo para se não reinventar a roda, pelo menos melhorá-la muito. O game é altamente recomendado! Peguem agora mesmo!