Tudo que sabemos sobre The Legend of Zelda: Skyward sword (e o que pensamos disso)

Eu quero, você quer, sua mãe quer…  e se você conhece alguém que não quer, arranque o coração dele e devolva a criatura nefasta ocupante daquele corpo ao infernol paradoxal ao qual ela pertence.  Skyward Sword, que vamos passar a chamar de SS (tipo a polícia política do hitler… hum… hum… talvez SS não seja uma idéia assim tão boa) é o próximo game da superfranquia de fantasia medieval da Nintendo, que vende feito pãozinho quente e é a melhor coisa inventada depois da batatinha frita e tem feito promessas e mais promessas aos fãs. Eiji Aonuma, o atual diretor da franquia disse que irá remodelar completamente a velha fórmula de Zelda.

Ao que eu respondo: Pra que?

Zelda tem sido basicamente uma sucessão de fale com as pessoas -> descubra onde está a dungeon -> pegue o item que vai fazê-lo completar a dungeon -> conheça mais um pedaço da história -> mate o chefão da dungeon (normalmente num processo meticuloso e de múltiplas etapas que NECESSARIAMENTE involve o item que você conseguiu NAQUELA dungeon – muito conveniente que os monstros não tenha trocado os itens entre as dungeons só para te sacanear) -> conheça mais um pedaço da história – > vá até um novo vilarejo/concentração de gente (as vezes você só retorna para o antigo) -> comece o processo de novo. Temos sido felizes com isso desde 1986 e tudo que queremos é que a fórmula seja a mesma, mas com gráficos bem melhores, ainda mais itens, ainda mais dungeons e ainda mais pessoas (e piadas…. queremos mais piadas também… Twilight Princess foi meio “emo” – tipo eumeodeioeodeioosmeuspaiseomeupeixinhodourado). Não precisamos que o game tenha pedaços em estratégia em tempo real, que eu tenha que controlar um trecho em FPS ou que link agora come bebês humanos e consome enormes quantidades de heroína. Francamente Sr. Aonuma, estamos esperando ser impressionados, mas não o suficente para nos assustar.

O game, como todo mundo já viu, usa uma espécie de Ink Shading (tecnologia melhorada do Cel Shading inaugurado em The Wind Waker) só que com melhorias, sombras mais volumosas, mais objetos em movimento por cenário, efeitos de iluminação de cair o queixo… e … é claro… um link adulto !!! (Insira enorme de conquista de itens aqui). Para a alegria das moças, que já ficam de coxas húmidas com nosso imberbe heroí, o personagem atinge a maturidade, rouba o estilo de arte de pinceladas fortes e sai a galope conquistando corações. Acalmense rapazes… a princesa Zelda ainda não foi mostrada, mas Aonuma nos garantiu que ela parece com a Tera Patrick… nua… e sedenta… BRINCANDO BRINCANDO BRINCANDO… Sério ainda não sabemos como ela vai ser.

O som será orquestrado (YYYYYYYYYYYYEEEEEEEEEEEESSSSSSSSSSSS!!!!!!!!!!!!!!) e com certeza será um primor (em todos os Zeldas foi). O controle… ademais a terrível demosntração na E3 (alguém foi demitido por causa daquilo… alguém se jogou numa Katana quando pisou no Japão) é… segundo todo mundo que testou… espantoso. A resposta é de 1/1 perfeita e muito superior a movimentação do á soberbo Red Steel 2, então esperem por grandiosidade e movimentos roubados de Wii sport Resort, como quando você for usar seu arco (igualzinho ao arco e flecha do Resort), for usar suas bombas (igualzinho ao boliche do Resort) ou seu fiel bumerangue (igual ao lançamento de disco de …. ah vá as favas!!!).

A história se passa em algum lugar antes de Ocarina of Time e eu, como um fã absurdo da série, espero que ele mostre a conexão entre o povo do céu (lembra daquela galinha medonha com cara de gente… então… os mestres dele… que esperamos… não se pareçam em nada com eles) e os hylians, sem falar na criação da master sword. Em suma… será absurdo. Ah… só uma coisa, link continua mudo. Sim… ele ainda só diz “hhhhuuuuuuuann!” “YYYYYYYYYYYAAAAA!!!” e “Oh!Meudeus… meu saco está em chamas por ficar nesse cavalo por tanto tempo…” BRINCANDO BRINCANDO BRINCANDO… mas sério ele ainda é mudo.

Isso é o que nós sabemos de fato.. o resto é só especulação. Estamos salivando por esse game até 2011… junte-se a nós caras!

Anúncios

Sobre Marcel Bonatelli

Historiador de games e jogador inveterado eu respondo todas as suas dúvidas sobre games e o mercado de games no site minicastle.org ou no email marcelbonatelli@minicastle.org

Um pensamento sobre “Tudo que sabemos sobre The Legend of Zelda: Skyward sword (e o que pensamos disso)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s