O 3DS XL é verdade! Mas o que realmente mudou? O Mini mostra tudo e não esconde nada!

Vamos contar essa história do começo. Antes da E3 deste ano o Nikkei, o principal jornal de economia do Japão, soltou um artigo falando que a Nintendo lançaria uma versão maior do 3DS, assim como uma versão com dois analógicos. Quando questionada sobre isso a Nintendo publicamente disse que o jornal se enganara e que “não haviam projetos neste parâmetros”. Ainda durante a E3 Mestre Shigeru Miyamoto falou que a Nintendo estava focando suas forças no próximo portátil (leia na íntegra aqui). Só que, menos de duas semanas depois da E3 a Nintendo foi lá e mostrou ao mundo seu novíssimo 3DS XL.

Então, o que diabos aconteceu? Um plano sinistro ou mero esquecimento? Nem um, nem outro… mas percebam que o Mini NÃO noticiou nem a posição do Nikkei NEM a contradição da Nintendo.

Isso porque estamos virando macacos velhos (quase 6 anos de site)!!!

A E3 2012 era sobre o Wii U!!! Esse era o plano de batalha da Nintendo! Era isso que ela queria, completa e desesperadamente: Mostrar o poder do Wii U ao mundo! Todo o resto era secundário, por isso tão pouco foi falado do 3DS. Qualquer notícia mais forte, como a existência de um portátil 3D maior, poderia roubar o trovão do Wii U. Logo o contra ataque direto na mídia!

Mas e aí? O que mudou? Vamos as perguntas e respostas:

Quão maior é o Nintendo 3DS XL?

Enquanto o 3DS tem 134 mm largura por 74 mm de profundidade por 21 mm de altura o 3DS XL tem 195,64 mm de largura por 93 mm de profundidade por 22 mm de altura. A diferença parece pequena mas é razoável quando vista lado a lado.

Quão maiores são as telas?

Aproximadamente 90% maiores mas utilizam as mesmas tecnologias do 3DS original.

Li em vários lugares que as telas são melhores ou que o 3D é melhor. É verdade?

Nós também lemos a mesma coisa em um monte de lugares mas, segundo a própria Nintendo, não é verdade. As telas são versões maiores das mesmas telas que equipam os 3DS “padrões” e qualquer “ganho” de qualidade está mais para a maior visibilidade da tela (fenômeno causado pelo tamanho da mesma) do que para novas tecnologias aplicadas nelas.

O 3DS XL tem processadores melhores?

Não! O coração da máquina ainda é exatamente o mesmo! É por isso que embora seja mais de 46% maior que o 3DS “padrão” o XL pesa apenas cerca de 40 gramas a mais.

Eu ouvi dizer que o 3DS XL vem SEM o cabo de energia. É verdade?

Sim… e não! Se você estiver comprando nos EUA o portátil virá com um cabo de energia, que é o mesmo do Nintendo DS Lite, DSi, DSi XL e 3DS. Se você estiver comprando em QUALQUER outro lugar do mundo o portátil virá SEM o cabo de energia. A Nintendo sabe que vendeu bazilhões de unidade dos DS Lite, DSi e DSi XL e que quase todo mundo, e a avó de todo mundo, tem um cabo desses sobrando em casa. Se você for um dos que não tem (em que diabos de pedra você vem vivendo nos últimos anos?) é fácil e barato comprar um cabo novo no mercado livre ou em lojas especializadas!

Quando será lançado?

Na Europa e no Japão, no dia 28 de Julho, no resto do mundo em 19 de Agosto.

Há alguma diferença física no 3DS XL?

O direcional analógico é o mesmo e ainda existe apenas um deles (vide pergunta abaixo), enquanto o direcional digital e os botões frontais ficaram maiores, mais macios e dão a sensação de emborrachamento. Os botões de ombro (R e L) ficarão maiores e tem as laterais mais altas para evitar que o dedo “escorregue” (como constantemente em RE Revelations). Todas as switchs, como a de aumentar ou diminuir o 3D e a de ligar e desligar o Wireless ficarão maiores e mais fáceis de acessar. Mas a mudança mais legal são os botões Start, Select e Home que ficarão BEM maiores e agora são mais fáceis de apertar e menos chatinhos de achar no desespero.

Haverá um Circle Pad Pro para o 3DS XL?

Não é que sim! Se você é um dos jogadores que acha que um segundo direcional realmente faz falta no seu 3DS você poderá comprar o Circle Pad Pro para o seu 3DS XL. Ainda não uma única foto do acessório na Internet mas a Nintendo confirma que está a caminho!

O novo 3DS XL tem baterias melhores?

Sim, mas não espere muito. Embora as baterias sejam maiores e melhores, as telas, as vilãs do consumo do portátil, são 90% maiores. Ou seja, o ganho é marginal: cerca de 30 minutos com o 3D ligado e 90 minutos com o 3D desligado.

O 3DS XL é retro compatível?

Tanto quanto o 3DS original! O portátil roda todos os jogos de DS, DSi e 3DS.

É muito mais caro?

A diferença de preço, nos EUA, é de US$ 49,00 doláres… essencialmente, um game. Logo, quem realmente quiser um 3DS XL vai ter um!

E por aqui? Como fica?

Ainda estamos esperando para ver notícias sobre lançamento oficial no Brasil do 3DS XL mas, se sua mão estiver coçando tanto quanto a minha, você pode comprar um em várias lojas internacionais que já começaram as pré-vendas!

A Stylus ficou maior? Continua telescópica?

A Stylus não é mais telescópica mas ficou maior, do tamanho da Stylus do DSi XL.

 

 

 

Anúncios

O que nós perdemos! – Nro 1 – Road Rash para 360 e PS3

O que nós perdemos é uma nova série de artigos que estamos lançando no Mini e que vão mostrar jogos que deveriam ter sido lançados, que tiveram protótipos apresentados, mas nunca virão a luz do dia. E para começar eu não poderia deixar de lado nossos amigos na EA, em especial o Sr Peter Moore.

Eis a história: Logo que saiu da Microsoft para a Eletronic Arts (e deixou crescer uma barbixa que o deixou mais ainda com cara de demônio) o Sr. Moore foi apresentado a um projeto em andamento para lançamento no XBOX 360 e PS3. O jogo já estava em um estágio de alpha e andando. Nada impressionado Moore não conseguiu se identificar com a franquia, que não tinha um jogo de sucesso a mais de 10 anos, e CANCELOU O GAME!!!

Eis a demonstração que foi feita ao Sr. Moore. Muito obrigado Sr. Moore… mesmo… de coração!

Duas informações cruciais sobre “Last of US”

Primeiro – O game não terá nenhuma forma de multi-player, local ou online, no modo história. O modo história é completamente single player. Os personagens ainda se alternarão, mas você controla um por vez!

Segundos – O game tem múltiplos caminhos mas, ao contrário do que foi dito na E3, terá apenas um final. A Naughty Dog garante um jogo mais longo do que os dois últimos Uncharteds, com a mesma qualidade!

É isso aí… mais dois rumores colocados para dormir!

Wreck it Ralph exclusivamente em consoles Nintendo

Wreck it Ralph (que será lançado nos cinemas brasileiros como “Detona Ralph”) vai ter versões apenas para os consoles Nintendo. Se você nunca ouviu falar desse filmes o trailer dublado abaixo é alto explicativo!

A razão da exclusividade provavelmente se dá pelo uso da imagem de Ganondorf, Bowser, alusões a Mario Kart e ao fato que Wreck it Ralph é, quase que totalmente, baseado no primeiro game a envolver os irmãos Mario: Wrecking Crew!

Para quem, assim como eu, já ficou com medo do resultado final do jogo, dá para pelo menos dar uma descansadinha. A Equipe de desenvolvimento já falou que está trabalhando em um game com mais jeitão de 8/16 bits EXATAMENTE para contornar as limitações de tempo que tornariam um jogo mais atual meramente aceitável. Resta saber se Ralph vai roubar nossos corações também nos games!

Vejo vocês nos cinemas!

Radical Studios perde mais de 80% dos funcionários

A EA é má… mas a Activision ainda é pior! Depois de lançar um jogo ruim que só vendeu no 360 porque a pessoas não tinham acesso a Infamous (pretexto básico igual mas um game melhor em TODOS os aspectos), Prototype, a Radical Entertainment Studios tentou a mão fazendo o igualmente ruim Prototype 2 – sendo constantemente empurrada por nossa amada Activision para lançar logo o jogo!

O jogo foi uma merda… não vendeu… e a Activision cortou o funding da empresa, que perdeu seu próprio controle interno e teve que demitir quase 85% da força de trabalho. Sim! 85%! Deve ter sobrado a tia do café e olhe lá!

Nós do Mini desejamos, de coração, toda a sorte aos funcionários demitidos e que algo de bom saia da Radical no futuro!