Retrô – Seu espaço para o virtual console

A Boy and His Blob: Trouble on Blobolonia
Nes – 500 Wii points

Eu sabia que esse dia iá chegar. Tem jogos… que quando explicados… soam tão divertidos quanto uma lição de história da euro-ásia, da época em que não aconteceu nada de importante, que houve paz duradoura, com detalhes mínimos, inclusive os difícies rituais de acasalamento bovino dos beduínos locais. Então … (pensa no que falar)… A boy and his Blob, que vou passar a chamar de BBTB, é um desses games. Você tem um side scroller bem simples, em que você controla um menino sem nome, que joga feijões mágicos, que faziam seu blob, que é uma cópia descarada do Gloop e Gleep dos Herculóides (se você não lembra disso… ou nunca ouviu falar, porque eu estou ficando velho, por favor, youtubison) mudar de forma para atacar os inimigos, te ajudar a ultrapassar buracos, subir barrancos ou virar uma parede sem utilidade (dica, jogue o beam de mel e depois o de ketchup… sim aquele que ele não come). Parece ruim quando se descreve, mas considere que esse game tinha uma dificuldade gostosa, que nem te massacrava nem xingava sua inteligência, alguns dos melhores gráficos do NES (são horríveis hoje… mas se quer gráficos vai pegar a versão nova) e jogabilidade no talo. Era divertíssimo e se você quizer fazer o teste são apenas US$ 5,00… muito recomendado!

Shinobi (arcade game)
Arcade – 700 Wii points

A versão do Mega Drive/Genesis não saiu faz um mês e pouco? Por que a versão Arcade do game agora? Se ela fosse milhas superior a versão doméstica eu acharia que talvez eles quizessem ter conseguido um dinheiro extra cobrando dos apressadinhos. Mas como a versão Arcade é mais curta, mais bonita, mais bem acabada, mas com menos movimentos, menos habilidades e menos inimigos ela é quase uma versão alternativa do game do MD/Genesis. Eu acho legal… mas não recomendo a ninguém que não seja um fã dos mais ardorosos da saga Shinobi… você vai se decepcionar com essa versão lavada do game da Sega.

Street Fighter II
Turbografix 16 – 600 Wii points

Não… eu me recuso a falar sobre um game de 1993, cujas as diversas evoluções já estão disponíveis para Virtual Console de uma série cuja o supra-sumo está comentado logo abaixo! Nem mesmo a empresa de games do meu coração pode esperar escapar impune de uma tentativa baixa e gananciosa de estorquir dinheiro de saudosistas!

Super Mario Kart
Super Nes – 800 Wii Points

Super Mario Kart original, que criou uma legião de seguidores, chega ao virtual console criando um ponto de interrogação em nossa testa. Embora seja um game clássico, que criou uma era e deixou para trás um legado, não há como deixar de dizer que os gráficos da versão do SNES são extremamente datados, sua música já foi melhorada pelas diversas versões portáteis e, aqui está o prego do caixão deste game, uma versão melhor gráfica, sonora, multiplayer e no departamento de jogabilidade disponível no Virtual Console por 200 Nintendo Points a mais: Mario Kart 64. Ainda assim esse é um jogo clássico por todas as medidas do termo…

The Combatribes
Super Nes – 800 Wii Points

Ah! Os anos 90! E suas infrutíferas tentativas de resgatar suas raízes nos fortes e hiperdimensionados anos 80. Combatribes era o novo Double Dragon… ou pelo menos uma tentativa muito honesta dos criadores do primeiro game de encontrarem a formúla dos ovos de ouro por uma segunda vez. Você escolhia entre três “homens fortes” (o game os chamava de strongmens), Berserker, o loiro, que era mediano em tudo; Bullova, o negro, que era o mais forte de todos, mas mais lento e Blitz, o índio cabeludo, que era bem rápido, mas meio fraquinho e fazia farelo de quem cruza-se o seu caminho em direção ao chefão final. Havia ceninhas contando a história do game mas… francamente… quem se importa? Vá até lá e acabe com todos eles… a e não esqueça seu pretexto. Fantástico e bem divertido. Super recomendado!



Street Fighter Alpha 2

Super Nes – 800 Wii Points

Quem tinha um Super Nes tinha centenas de bons jogos para espetar em seu monstrinho branco… mas nos idos de 1996 o PS1 e o Saturn vinha mostrando sua força (quer dizer… pelo menos o PS1 vinha com força… o Saturn tinha educação e um sorriso encantandor que não disfarçavam o fato que era um Mega Drive vitaminado). Foi aí que, com o auxílio do chip S-DD1 (que permitia descompressão gráfica rápida e visuais mais coloridos), o Super NES conseguiu receber um dos melhores games de luta de todos os tempos… Street Fighter Alpha 2! E era lindo. Certamente era mais lento que sua contraparte do PS1 e a palheta de cores e efeitos de luz era bem menos estonteamente, mas quer saber, NÃO davá-mos a mínima, pois era Street Fighter Alpha 2 no meu SNES. E ainda tinha a vantagem de rodar Super Mario RPG, Super Mario World e Chronno Trigger quando não tinha ninguém para tirar um racha!



Metal Slug 2

Neo Geo – 900 Wii Points

Não há muita coisa em Metal Slug 2, que o diferencie de Metal Slug 1. Você ainda anda para a direita, libertando refém, e atirando em qualquer coisa que tenha a infelicidade de se mexer, se chacoalhar, te olhar estranho ou meramente ter a falta de sorte de estar lá. Se for atingido pelas múmias ou pelo líquido que os morcegos derramam você vira um múmia, o que o deixa praticamente injogável, e se comer muitos itens de comida você fica gordo, ficando mais lento, só que muito mais forte (e suas granadas viram tortas e suflês). No mais é a boa e velha cartase que a SNK aperfeiçoou ao nível de arte.