Halo 4 e maior promoção de todos os tempos! A Halo 4 Infinity Challenge!

A 343 Industries, responsável pelo mais do que incrível Halo4, se juntou a gigante multimídia Virgin para fazer um dos maiores torneios de videogame que já existiu. E se você ganhar, os dois primeiros prêmios são: o veículo dos sonhos, uma Pickup Ford F-150 SVT Raptor customizada com a aparência e o painel de controle de um Warthog (se você não sabe o que é um M12 Force Application Vehicle – conhecido como Warthog, some daqui) OU seu rosto em um personagem de Halo 5.

halo4raptor3qjpg-843573_800w

Não… eu não to tirando sarro.

Você pode se registrar agora mesmo no site do “Infinity Challenge”, não se preocupe é gratuito, e participar. No dia 17 começarão os jogos, literalmente, tanto na modalidade War Games quanto no modo Spartan Ops. Para o War Games, onde o prêmio é a Pick Up, você simplesmente tem que jogar na lista Infinity Challenge e ir subindo na Leaderboard. A  lista vai rotacionar os jogos entre Infinity Slayer, Regicide, Dominion e Capture the Flag. Os jogadores serão rankeados em três níveis, com o pessoal do nível 1 podendo ganhar o grande prêmio. As qualificações acabam em 10 de Janeiro e a fase final começa, somente com os jogadores de nível 1, em 12 de Janeiro.

Já para o Spartan Ops, que vale seu rostinho lindo em um personagem de Halo 5, os competidores só precisam JOGAR! JOGAR MUITO! Isso mesmo, sem leaderboards, sem competição, sem scoring, é só jogar e jogar e jogar, a seguinte coleção de missões no Spartans Ops:

  • “Core” — Episode 1, Chapter 5
  • “Hacksaw” — Episode 2, Chapter 3
  • “Shootout in Valhalla” — Episode 3, Chapter 4
  • “The Didact’s Gift” — Episode 4, Chapter 5
  • “Spartan Thorne” — Episode 5, Chapter 1

Ganha quem jogar mais! Literalmente! Ganha quem passar mais tempo jogando esses episódios específicos de Spartan Ops! Considerando que os novos episódios de Spartan Ops só vem depois do final de janeiro, isso nem vai ser assim tão difícil. Mas pode ter certeza que haverão centenas de Xbox 360 queimados por aí até o final da competição.

85c17c2dbec61d5d5f8b41f065c93537

Eu, e o meu pelotão, vamos participar. Vejo vocês no campo de batalha!

Anúncios

Trailer dos novos episódios de Spartan Ops!

Spartan Ops, o modo de jogo cooperativo multiplayer de Halo 4, entrou em férias. Literalmente. Por 6 semanas não haverão novos episódios. E, para quem como eu está roendo as unhas, aqui vai uma palhinha do que vai acontecer no retorno da série!

Quem ganhou a VGA?

Eis os campeões da Video Game Awards:

 

  • Jogo do ano: The Walking Dead: The Game
  • Estúdio do ano: Telltale Games
  • Melhor jogo de XBOX 360: Halo 4
  • Melhor jogo de PS3: Journey
  • Melhor jogo de Wii U: New Super Mario Bros. U
  • Melhor jogo de PC: XCOM: Enemy Unknown
  • Melhor Shooter: Borderlands 2
  • Melhor Adventure: Dishonored
  • Melhor RPG: Mass Effect 3
  • Melhor Multiplayer: Borderlands 2
  • Melhor jogo de esporte individual: SSX
  • Melhor jogo de esporte em equipe: NBA 2K13
  • Melhor jogo de corrida: Need for Speed Most Wanted
  • Melhor canção em um jogo: “Cities” by Beck (Sound Shapes)
  • Melhor trilha sonora original: Journey
  • Melhor gráfico: Halo 4
  • Melhor jogo independente: Journey
  • Melhor jogo de luta: Persona 4 Arena
  • Melhor jogo para portáteis: Sound Shapes
  • Melhor performance por atriz: Melissa Hutchinson as Clementine (The Walking Dead: The Game)
  • Melhor performance por ator: Dameon Clarke as Handsome Jack (Borderlands 2)
  • Melhor jogo adaptado de filme/TV: The Walking Dead: The Game
  • Melhor DLC: Dawnguard (The Elder Scrolls V: Skyrim)
  • Melhor jogo por download: The Walking Dead: The Game
  • Melhor jogo social: You Don’t Know Jack

Jogando: Halo 4 – SEM SPOILERS

Eu estou duas semanas atrasado para fazer o review de Halo 4. É muito muito provável que TODOS vocês já tenham jogado Halo 4 em algum lugar de alguma forma. Eu não acho que meu review conseguiria afetar as vendas estratosféricas de Halo 4 nem se eu dissesse que o game vem banhado em uma sopa contendo um mistura exótica de Ebola com Febre do pântano venusiano…

… ainda bem, porque eu não vou falar nada nem perto disso.

Halo 4 é um evento. Um acontecimento. Não só uma entrada fantástica em uma franquia excelente mas um jogo que vai deixar a Live presa por meses tentando caçar cada pedaço, cada detalhe, cada ideia. É um jogo tão bom que, para realmente fazer justiça, teremos que comentá-lo por pedaços. Então vamos, primeiro, comentar o que permeia todas as áreas do jogo.

Primeiro vamos tirar o imenso elefante óbvio do caminho: Halo 4 é bestificante de tão bonito! O jogo, em todos os seus componentes (Single Player, Multiplayer e Spartan Ops), é lindíssimo. Texturas são riquíssimas, o sistema de luz e sombra é fora do comum, a iluminação é soberba e a animação é tão boa que beira um produto da porra da Pixar. A música também não deixa a desejar – vem pesada e constante, estraçalhando o seu ouvido com beleza ímpar.

O departamento sonoro é muito muito bom, no quesito som de armas, inimigos e efeitos de ambiente, já as vozes….

… putz…

… se você tiver a versão em Inglês o jogo tem vozes excelentes, feitas por artistas talentosos,  em um ambiente de trabalho claramente profissional com uma qualidade digna de cinema Hollywoodiano. Se, por outro lado, você, como muitos de nós, teve a infelicidade de receber a pérfida versão nacional do jogo, prepare-se para sofrer: Com exceção de Master Chief , Cortana, Palmer e Lasky as vozes foram muito mal escolhidas, soam completamente desprovidas de emoção e o estúdio responsável pela dublagem nem sequer se deu ao trabalho de acertar a sincronia labial. É horrível, péssimo mesmo, e assusta o jogador. E considerando que Reach teve um trabalho de tradução tão bom…

O controle é muito bom. Todos os Spartans correm agora (não é mais um poder de armadura), mantendo pressionado o direcional analógico esquerdo. A troca de arma continua no Y, a recarga no X, o ajoelhar no B e o salto no A… em suma, a mais do que fantástica configuração de Reach continua viva e forte em Halo 4. Os poderes de armadura são mais variados e extremamente uteis, indo de escudos de energia que são projetados na frente do jogador a visão através das paredes, passando pelos já conhecidos dash (aquele pequeno teleporte lateral) e jet pack.

Mas é na jogabilidade que a cuíca de Halo 4 ronca… e há três modos básicos no jogo:

Campanha

É o bom e velho Master Chief, Spartan John S-117, retornando a ação no planeta artificial Requiem após ficar a deriva no espaço por 4 anos. Ao longo da história o jogo muda tudo, absolutamente TUDO do que se pensava até então em termos de mytos de Halo, entregando um maravilhoso novo pano de fundo para a nova trilogia sem descuidar de entregar os personagens que conhecemos e amamos em novas situações. Não só isso mas a campanha ainda mostra a Cortana se humanizando cada vez mais enquanto caminha para seu Rampancy (um estado de loucura que as IAs no universo Halo alcançam após 7 anos) e o Chief movendo montanhas para evitar isso. É excelente e diferente de todos as outras aventuras no universo Halo, lembrando uma mistura fantástica de Halo: Reach com Halo 2.

 

Multiplayer competitivo

O multiplayer competitivo retorna muito mais rápido e visceral em Halo 4: as partidas são mais rápidas, os mapas são modificados para gerarem mais situações de conflito e encontros mais constantes entre os jogadores, os itens ficam visíveis em seus pontos de respawn, logo as pessoas se matam muito mais tentando chegar lá do que efetivamente pegando os itens! A duração dos escudos e da barra de vida foram severamente diminuídas em relação a Reach: Aqui, um bom tiro na sua cabeça, vai arrancar seu escudo. Um segundo tiro na sua cabeça, ou dois ou três tiros rápidos nas suas costas, vão acabar com você. E isso em todos os modos de jogo! Seja no King of the Hill ou no Infinite Slayer os jogadores vem para cima, com veículos, armamento ou as próprias mãos. E os novos poderes como a Pretorean Vision(que permite ver os inimigos através das paredes) ou o escudo de energia (que permite criar um escudo de controle de multidões, que segura tiros, na frente do Spartan) tornam ainda mais legais as partidas.

Agora, além de customizar sua armadura, é você quem escolhe que armas vai levar para a batalha e quais poderes vai utilizar a cada partida. E a entrada de modificadores (como escudo extra ou carregar duas armas primárias) e habilidades de armadura (como mais granadas ou mais munição) dão ainda mais estratégia ao já tático sistema de combate de Halo 4. O multiplayer cooperativo é o lugar para destravar partes de armadura, ter a bunda chutada por crianças de 12 anos que passam o dia jogando e se tornar um guerreiro. Espero você lá, soldado!

 

Multiplayer Cooperativo

Se os diversos modos do multiplayer competitivo não são muito a sua praia (que coisinha mais fofa da mãe… quer um biscoito e um travesseiro, neném?) tente levar seus amigos com você no incrível modo cooperativo Spartan Ops. Quando a 343 disse que iria eliminar o modo firefight de Halo 4 eu fiquei realmente desapontado, achando que havíamos perdido um modo extremamente divertido de jogo. Ah… quão tolo eu era! No lugar do firefigth com hordas de inimigos sedentos correndo atrás da sua carcaça você tem um modo história alternativo, feito para ser jogado por vários jogadores ao mesmo tempo (embora possa ser jogado sozinho – caso você não tenha amigos ou goste, muito, de sofrer), onde você joga com um Spartan que é parte do fireteam Crimson, fazendo missões para a comadante Sarah Palmer na superfície do planeta. A história tem diversas ligações com a aventura do Chief, mas não entrega absolutamente nenhuma informação que possa estragar a sua campanha (ao contrário… te instiga a jogar a Campanha e entender o que diabos está acontecendo ali). Um vídeo sai toda a segunda no final da tarde, junto com mais cinco missões (o conteúdo daquele episódio) – o vídeo te dá uma por cima da situação na Infinity e as missões são muito legais, bem mais divertidas do que matar hordas e mais hordas de inimigos sem direção que vem correndo para cima de você. Spartan Ops é muito… muito bom!

 

E no final? O que dizer de Halo 4 que já não tenha sido dito por todos os veículos de imprensa especializada no mundo do videogame? A única coisa que posso dizer é que Halo 4 é uma experiência – tem que ser vivido, agora, para ser entendido. É quase como comer uma macarronada de Vô em um dia frio, quando o prato acabou de sair naquele minuto e o queijo ainda está derretendo sobre o molho de tomate – e você está morto de fome! É gostoso sem ser cansativo, pode ser desfrutado em pequenas sessões e é tão bom que vai fazer as pessoas jogarem infinitamente. Eu estava jogando Reach até duas semanas atrás… agora me sentiria extremamente mal eu deixar para trás o multiplayer imensamente mais rápido e equilibrado de Halo 4 e voltar a ele. Jogue Halo 4 – sinta como é!

E divirta-se… Bom jogo a todos!

Halo: Foward unto Dawn será lançado em Blu Ray

Não… não terá uma versão em DVD. As únicas formas de se conseguir assistir essa Web Serie legalmente no seu XBOX 360 serão: Comprar a versão limitada de HALO 4 ou comprar a versão por download da série que deve ser liberada na virada do ano.

Para todos os interessados o DVD trará os pouco mais de 80 minutos da série em qualidade soberba (1080P) com som 7.1 e mais 90 minutos de featurettes e por trás das cenas. Para os fãs de Halo realmente vale a pena.

Provavelmente, como colocado por um herói no fórum da IGN, vai ser a melhor coisa relacionada a videogame a entrar no meu PS3 esse ano!

A Microsoft vai te pagar para jogar Halo 4! É sério mesmo!

A Microsoft informou que, durante o mês de Novembro, vai recompensar, com MS Points, o tempo gasto pelos jogadores no multiplayer de Halo 4. Como se precisássemos de mais incentivos! A promoção é chamada  Halo 4 Combat Tour Offer e vai premiar com até 10.000,00 MS Points, divididos entre os jogadores.

Funciona assim: Se você, até 30 de Novembro, gastar 35 ou mais horas jogando multiplayer (qualquer tipo de jogo, qualquer configuração, mas tem que ter matchmaking) você ganhará  100 pontos. Se gastar, nas mesmas condições, 70 ou mais horas ganhará 300. E, por fim, se gastar, nas mesmas condições, 140 ou mais horas ganhará 600. Lembrando que isso só vale até 30 de Novembro.

Além disso aqueles que gastarem em material de Halo 4, na Xbox Live, seja kit de mapas, battle pass ou roupas para o seu avatar, terá um “rebate” da Microsoft. Se, até 30 de Novembro, você gastou 1500 pontos receberá 100 de volta; gastou 3000 ou mais, leva 200. A lista completa está dos produtos da promoção está aqui.

Alguém precisa de mais algum convite? Que a matança comece!