Decisões… decisões: O que a Nintendo mostrou para os acionistas

Ok. Vamos tirar o elefante branco da sala!

Como nós falamos quando a Nintendo mostrou sua expectativa de perda, alguns dias atrás, a situação não era a melhor do mundo. Não era terrível (estamos falando de uma empresa que mais de 10 bilhões de dólares líquidos aplicados em bancos, fora assets e tudo mais. A Nintendo poderia ter um prejuízo real desse tamanho por mais de 20 anos sem ter que fechar as portas.) mas não era bom.

E no dia 30 de Janeiro houve a reunião do senhor Satoru Iwata, presidente da companhia, com os acionistas. O mesmo Satoru Iwata que, junto com seu principal designer, Shigeru Miyamoto, e os principais executivos da Nintendo, aceitaram uma redução de 50% dos próprios salários até a situação de perda se regularizar. Esse cara, que realmente acredita na sua companhia, veio conversar com seus acionistas e com o mundo para acalmar todos os ânimos.

Foi como apagar uma fogueira com gasolina.

Então vamos lá. Primeiro ponto. A Nintendo NÃO IRÁ produzir nada Mobile ou disponibilizar nenhum de seus jogos antigos, em nenhum formato, em plataformas Mobile. Isso quer dizer que, por sabe-se lá quanto tempo, você não poderá, oficialmente, jogar nenhum jogo Nintendo em iOS ou Android. Segundo o senhor Iwata os aparelhos não refletem a melhor condição de uso para os produtos desenvolvidos pela Nintendo e competem de forma direta com sua linha de portáteis.

no-apple-nintendo

Segundo ponto. Nada de Nintendo Fusion ou de novos videogames pelos próximos 3 anos, pelo menos. E Nada de deixar de lado o GamePad no Wii U. Segundo o senhor Iwata o GamePad enfrenta a mesma resistência enfrentada pelo Wii mote e pelo controle com um analógico do Nintendo 64… e vai vencê-la. “Sempre fizemos isso na Nintendo. Sempre impusemos a mudança. E sempre conseguimos transformar o diferente no padrão.”. Então o Wii U continua firme e forte e diversas empresas, principalmente japonesas, serão adquiridas ou farão joint-ventures para aumentar o número de jogos produzidos para ele. E irá aumentar consideravelmente o investimento em Marketing e publicidade para aumentar o awareness (como eu traduzo isso… é um termo técnico de publicidade. Acho que posso traduzir como “Visibilidade” mas não é bem isso. É o seu público conhecer seu produto e procurar por ele) do aparelho. E já entrou em negociações com diversas Third Parties americanas para retomar a produção de certas franquias multiplataformas dadas como  “obrigatórias” (durante a apresentação, nesta parte, o senhor Iwata mostrou um Slide contendo o logo de diversas companhias, entre elas a EA, a Activision e Valve).

Terceiro ponto. E já que estamos falando do controle e da experiência que ele proporciona o senhor Iwata colocou que ele entende que nem todo mundo quer utilizar o GamePad e que nem todos os produtores vem ele como a melhor saída para seus jogos. Então, nos próximos meses, haverá um corte de preço no Wii U pro controller, uma nova versão do controle será lançada, contendo Rumble e, por fim, novas versões do aparelho virão com o controle incluído JUNTO com o GamePad. É claro que ainda não temos data para tudo isso… mas parece uma solução e tanto.

599645_494961820560298_560133075_n

Quarto ponto. Mais jogos virão para o Virtual Console por semana, segundo o senhor Miyamoto assim como jogos de DS e GameCube chegarão nos próximos meses (modificados para ter uma resolução melhor). O papai Zelda ainda se desculpou pela falta de grandes jogos no Wii U “Os jogos estão sendo produzidos e estão chegando. Mas sentimos, como a maior parte da empresas japonesas, uma grande dificuldade em produzir nessa nova era de altíssima resolução. Mas não estamos aqui para dar desculpas. Os jogos virão. E Mario Kart 8 é o primeiro deles.”. Além disso Miyamoto afirmou que os próximos jogo farão cada vez mais uso do GamePad – diferenciado as versões do console.

Quinto ponto. Acessibilidade e internet. E aqui houve uma demonstração incomum de humildade por parte de Iwata “Não estávamos preparados para o desafio no Wii e estávamos igualmente despreparados no Wii U. E por isso pedimos desculpas.”. Após o pedido de desculpas o executivo afirmou que empresas externas foram contratadas para prover a Nintendo uma melhor qualidade de conexão e para “modernizar” o Nintendo e-shop e o multiplayer online da Nintendo. Além disso o Miiverse e o e-shop poderá ser acessado do seu celular até o final do trimestre, o que permitirá comprar jogos e iniciar o download deles sem ter que estar na frente do seu Wii U e jogá-los assim que chegar em casa. Comentários também poderão ser feitos através do seu celular via o novo serviço, que será disponibilizado por um app no Android (iOS será, eventualmente, servido também… mas não inicialmente).

miiverse_smartphone

Por último mas não menos importante a Nintendo está procurando outros caminhos para se diferenciar. Um deles é um projeto enorme de bem estar físico e psicológico que vai usar o Wii U e uma série de acessórios para checar dados do seu dia a dia e procurar pontos passíveis de melhoria (Iwata disse que mais informações sobre isso estarão disponíveis em breve) e outro, e esse é MUITO interessante, é que a empresa está em estágios finais de conversa com diversos parceiros, sobre comercializar seus personagens em itens e outras mídias, como SÉRIES DE TV E FILMES, além de produtos físicos. Então uma série de Tv de Zelda ou Metroid, ou uma animação Disney de Star Fox não estão assim tão distantes.

Ou isso!!! Que já seria awesome!

Então essa é a nova plataforma da Nintendo… impressive. Melhorar o aparelho, torná-lo mais rápido e fazer mais jogos para ele. Parece uma estratégia vencedora… mas como dizia Zun Tsu “Nenhuma estratégia sobrevive o contato com o inimigo.”. Resta saber se o mercado vai achar as ideias da Nintendo tão bacanas quanto a Nintendo acha.

Anúncios

Sobre Marcel Bonatelli

Historiador de games e jogador inveterado eu respondo todas as suas dúvidas sobre games e o mercado de games no site minicastle.org ou no email marcelbonatelli@minicastle.org

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s