Wii ganha embaixadores nos EUA

OK… essa é a forma mais revolucionária de divulgar um console. Você escolhe pessoas, normais, comuns, com suas patéticas vidas sociais e faz com elas uma festa, tornando as imediata e resolutamente EMBAIXADORAS DO WII. É isso aí, a pessoa comum convida todos os amigos, parentes e conhecidos para uma festa, onde a Nintendo deixa várias estações de Wii funcionando para as pessoas testarem e sentirem o “Vibe” do novo console. A promoção “Wii are Embassators” começa no dia primeiro de setembro, junto com um maciço programa de marketing nos meses (mês?) finais para o lançamento do console. A notícia foi confirmada pelo site http://www.ign.com e http://www.1up.com. O Minicastle ainda não conseguiu contatar a Nintendo sobre como será o plano de marketing do Wii no país.

Anúncios

Contact

contact box art

Esse RPG promete ser inovador, a promessa deste jogo é a quebra de todos os paradigmas do RPG da era 16 bits.

Para começar ele é criado pelas mesmas mentes insanas responsáveis pela demência vista em “Killer Seven” para Game Cube.

Os produtores dizem que ele não vai ser focado no paradigma “vá até a vila -> converse com o chefe da vila -> vá até a caverna -> derrote o chefão”, mas sim na experiência do jogador.

Uma outra coisa que assusta é o logo de WiFi na capa, pelo que dizem você poderá trocar itens raros, pegar novas habilidades, abrir novos lugares no seu mundo ou até fazer quests em grupo via WiFi.

Espero que o jogo seja tão bom e inovador quanto dizem, se for pelo menos 10% do que esperamos já será um ótimo jogo.

O jogo sai nos EUA em outubro deste ano.

O site do jogo, que é em inglês, também é muito bom vale a pena uma visita.

Wii confirmado no Tokio Game Show

A Tokyo Game Show ira marcar dois pontos importantes na vida do Wii, ira permitir ao público oriental (o maior e mais importante público pagante de video game do planeta) fazer o hand on do aparelho e esboçar suas perpesctivas e posições; alêm da confirmação da lista de jogos e data de lançamento e a demonstração de Harvest Moon Wii, da Marvelous Interactive.

Extra! Extra! EA solta a língua de novo…

Ser a maior empresa de Games dos Eua e dona de uma série pesada e interminável de Franquias torna a EA uma das primeiras empresas a saber de qualquer mudança dentro dos planos de lançamento dos consoles de nova geração. E, depois de falar sobre o controle e o preço dos jogos do Wii, a EA solta a língua de novo e diz que em 6 meses a 1 ano após o lançamento do Wii o preço dele deve cair dos US$ 199 – 249 para US$ 170.00 devido as peças relativamente baratas usadas na produção. Lembre-se… você viu aqui primeiro!

Final Fantasy III ganha data de lançamento!

Agora é oficial, a poderosa SquareEnix revelou (finalmente) o dia da lançamento do único Final Fantasy que nos americanos não jogamos (pelo menos, não em inglês): 14 de novembro de 2006. Para quem nunca ouviu falar de Final Fantasy III (o FF III americano era na verdade o FF VI de Super NES) o jogo foi lançado para o Nes e se trata de um mundo onde Gaia esta fora do controle e a única coisa que protege as cidades e as vilas de monstros e perigos são cristais gigantes (semelhantes aos Mana Prisms de FF Cristal Chronicles). Um terremoto soterra ou destroí esses cristais e um grupo de heroís deve encontrar ou desenterrar novos cristais. O jogo, não custa lembrar, foi remodelado primorosamente para o 3D e apresenta novos usos para a Tela sensível ao toque e  com download de material via Wi-Fi.

final-fantasy-iii-20060713054211762.jpg final-fantasy-iii-20060626050508597.jpg

Arena Gamer 2006 – Balanço do evento em breve!

A equipe de reportagem do Mini Castle esteve no Arena Gamer no dia 5 de agosto. Em breve colocaremos detalhes sobre o evento (ainda estamos arrumando e selecionando as fotos). Mas adiantamos que não foi um evento muito bom do ponto de vista da Nintendo. A organização do Arena está de parabéns, mas a Big N deixou muito a desejar.

Também por não conseguirmos press kits (não havia) da Nintendo e com a ausência do Wii, não teremos muito o que dizer.

Games de Wii a US$ 50,00 diz EA

A poderosa Eletronic Arts (que antes de se denominar “EA” era a “ECA”), dona de algumas das franquias mais poderosas do mundo (Fifa, NBA, Burnout, Black entre outras), continua falando pelos cotovelos. Após anunciar que o módulo Nunchuk do Wii também teria detecção de movimento (fato que a Nintendo, acuada, confirmou no mesmo dia), a empresa americana soltou recentemente a bomba: Um acordo da big N com as principais softhouses do mundo visava garantir a produção de jogos para Wii nos mesmos moldes de preço praticados na indústria até hoje, ou seja, US$ 49,99 no lançamento, com preços caindo para 30 a 35 dolares após 6 meses. A notícia criou “furor” nos economistas especializados, principalmente depois que os jogos de XBOX 360 começaram a ser lançados a US$ 58,00, enquanto a Sony avisava que o preço da produção dos jogos para o seu console também elevaria o preço final para o consumidor. Vale ressaltar que a prática de US$ 49,99 como preço de lançamento de jogos vem desde o NES, perdurando por todos os videogames que atravessaram o mercado americano desde então. A Nintendo não confirmou nem negou a alegação.